Sortimento de produtos para supermercado: aprenda a fazer!

sortimento de produtos para supermercado
Aprenda a fazer o sortimento de produtos para supermercado da maneira correta. Confira!

Para aumentar a lucratividade do seu negócio e saber como impulsionar as vendas de cada categoria de itens, como bebidas, alimentos e limpeza, por exemplo, é preciso que você conheça o sortimento de produtos para supermercado. 

Neste post, reunimos informações importantes a respeito dessa técnica para te ajudar a entender melhor como colocá-la em prática.

Acompanhe agora do que se trata e como fazer corretamente na sua loja para aumentar a lucratividade e reduzir perdas no negócio. Acompanhe!

O que é o sortimento de produtos para supermercado?

O sortimento de produtos para supermercado nada mais é do que a quantidade de produtos que seu supermercado tem uma determinada categoria ou seção.

Entram nessa conta tanto as quantidades, os volume e marca de um mesmo item.

Esse sortimento consiste em definir a quantidade de itens que irá compor uma determinada categoria, como “higiene”, “frios” e “mercearia”.

Para exemplificar, imaginemos a categoria de arroz:

Nesse contexto, o sortimento envolve o conjunto de marcas de arroz (se tem a marca X, Y e Z); os diferentes tipos de pacote de arroz, como o de 5 quilos e de 1 quilo por exemplo.

Ou seja, para compor esta subcategoria você pode escolher diferentes tipos de arroz (branco, parboilizado, integral, etc), com tamanhos variados (5kg, 1kg, etc), e de diferentes marcas e preços. Essa variedade de opções é o que chamamos de sortimento de produtos.

Essa técnica faz com que o cliente tem a percepção da variedade de determinado produto que seu estabelecimento oferece.

No entanto, muitos empreendedores confundem sortimento de produtos com mix de produtos. A diferença entre eles é que o mix de produtos é o conjunto de todas as categorias da sua loja, ou seja, todos os produtos oferecidos pelo supermercado.

Por isso, ainda que seu supermercado tenha um mix variado de produtos, ele ainda pode ter um sortimento “empobrecido” de determinada categoria ou seção.

Outro erro comum é ter um sortimento muito grande e, com isso, tornar a compra do cliente mais difícil, fazendo com que fique confuso no momento de escolher e comprar, por isso, o segredo está em conseguir manter tudo de maneira equilibrada.

Qual a importância do sortimento de produtos para supermercado?

Agora que você já sabe o que é sortimento de produtos para supermercado, você precisa saber por que ele é importante em uma loja. Veja:

  • Ajuda na organização da loja: quando você sabe qual é a quantidade de itens que há em uma categoria, é possível saber também o tanto de espaço físico que precisa disponibilizar para a exposição dos produtos;
  • Melhora a experiência do cliente: a experiência do cliente deve estar no topo das prioridades de todo negócio, e o consumidor atual precisa de muito mais que bons preços, mas também de agilidade e experiências de compra mais atrativas;
  • Reduz rupturas de estoque no supermercado: a ruptura de estoque é um problema relativamente comum nos supermercados, porém, extremamente prejudicial. Quando o consumidor não encontra o que procura, além de frustrado, ele precisa se deslocar a outra loja para fazer a compra, e isso quer dizer mais um cliente para a concorrência. Isso não ocorre quando você realiza um sortimento de produtos eficiente.
  • Evita perdas: com o sortimento de produtos para supermercado, o objetivo é que apenas os produtos e as marcas com boa saída sejam comercializados, evitando que haja estoque parado dentro de cada uma das categorias;
  • Traz lucratividade: um sortimento evita que marcas e produtos que não são procurados pelos consumidores sejam expostos, favorecendo o crescimento financeiro do estabelecimento.

Aprenda a fazer um sortimento de produtos eficiente

Agora que você já entendeu o que é o sortimento de produtos para supermercado, é importante saber o que fazer para garantir que a seleção de itens que serão oferecidos ao seu público seja a correta e ajude a aumentar as vendas.

Com os passos que mostraremos a seguir, é possível chegar ao sortimento ideal para o seu supermercado. Vamos lá!

1 – Conheça o seu mix de produtos

Já vimos a diferença entre sortimento de produtos e mix de produtos. Com essa definição em mente, é importante que você saiba que conhecer bem o seu mix de produtos favorece um bom sortimento.

Isso acontece porque você precisa saber se o seu supermercado é conhecido por ser mais generalista (mais categorias, menos variedade de produtos) ou mais especialista (menos categorias, mais variedade de produtos).

Tendo essa informação na ponta da caneta, fica mais simples avaliar se os itens escolhidos atendem ou não às expectativas e demandas dos clientes que você atende ou pretende alcançar.

2 – Decida quais serão os tipos de produtos e marcas com as quais você vai trabalhar

Um sortimento de produtos alcança a perfeição quando seu cliente encontra exatamente aquilo que precisa, por isso, o primeiro passo é compreender com quantos tipos de produtos e marcas sua empresa pode operar.

Nem sempre a melhor decisão é investir em diversos fabricantes, pois pode ser mais interessante para o seu supermercado ampliar a variedade do mix e investir em novas categorias, se limitando às principais marcas e faixas de preço dentro de cada categoria.

Com essa estratégia, você garante que os consumidores tenham acesso a tudo o que precisam na loja.

No momento de definir os tipos de produtos e marcas, leve em consideração informações que você tem sobre as preferências dos seus consumidores, faça pesquisas de mercado e consulte seus relatórios gerenciais.

3 – Sortimento de produtos para supermercado: tome cuidado com o excesso de opções!

Tome cuidado para não deixar o seu cliente confuso no momento de comprar.

Oferecer uma boa variedade de itens é fundamental, mas tudo precisa de um equilíbrio, e tudo que você não quer é deixar seu cliente tão confuso e em dúvida, que corre o risco de deixar para comprar em outro momento.

Oferecer uma quantidade muito exagerada de opções pode confundir o cliente, atrapalhar a experiência de compra e afetar nas suas vendas.

Imagine um consumidor entrando em uma categoria de produto que exibe 20 marcas diferentes.. Isso pode fazer com que, em meio a tantas opções, o cliente opte pela mais barata e que apresenta a menor margem de lucro para o supermercado.

Um bom sortimento de produtos para supermercado apresenta ao público apenas as principais marcas dentro daquela categoria. Tudo precisa ser objetivo.

4 – Exiba produtos e marcas de boa procedência e qualidade

Além de expor as opções certas, um bom sortimento de produtos também leva em conta a qualidade dos itens oferecidos.

Avalie as marcas e analise se possuem qualidade adequada para oferecer aos seus clientes nas prateleiras e gôndolas e para isso, é preciso observar as exigências do seu público-alvo. Sempre considere as preferências do seu público.

Neste ponto, os relatórios gerenciais são extremamente necessários e eficazes.

5 – Considere as necessidades do seu público-alvo

Seu público-alvo determina tudo. Tudo mesmo. Desde os produtos que você vai vender, até a maneira de comunicar e divulgar esses produtos, tudo é feito para atingir as pessoas que seu negócio pode atender.

Isso significa que seu sortimento de produtos precisa comercializar exatamente aquilo que o público-alvo está procurando ou deseja comprar, portanto, leve em consideração a marca e o tamanho dos itens mais demandados.

Quer saber quem é o público-alvo do seu negócio? Leia também:

6 – Considere o tamanho da sua loja

O tamanho do seu comércio também influencia na organização do seu sortimento de produtos. Você deve avaliar a condição do seu estabelecimento e suas características: se você tem um mercadinho de bairro, não faz muito sentido vender uma variedade de marcas de um único produto, por exemplo.

Seu espaço físico certamente não será muito extenso para comportar um sortimento extremamente grande, e a organização das prateleiras pode ficar confusa, por isso, foque em um mix de produtos que atenda as necessidades básicas do público que frequenta a sua loja.

Outro ponto a ser considerado no momento de definir o sortimento de produtos, é o layout da sua loja.

Dessa maneira, é mais simples escolher produtos que possam ser expostos no seu estabelecimento sem comprometer a circulação das pessoas, por exemplo.

Avalie o espaço disponível para cada seção do supermercado e dentro dela, o número de categorias que necessitam ser expostas aos clientes.

Sobretudo se sua loja tiver limitação de espaço, é importante que ele seja aproveitado ao máximo.

7 – Não se esqueça da sazonalidade

A sazonalidade é uma excelente oportunidade de vendas no seu supermercado, e se você já mapeou todas as datas do calendário do varejo, sabe que as oportunidades são muitas ao longo do ano.

Essas datas especiais ao longo do ano, tais como Carnaval, Páscoa e Natal, por exemplo, tem grande impacto nas vendas e fazem parte dessa sazonalidade.

Esses períodos no calendário promocional da sua loja precisam ser bem planejados, porque o sortimento de produtos para supermercado tende a sofrer alterações.

Sempre tenha do lado seus relatórios de vendas de anos anteriores, assim, é possível verificar o comportamento de consumo dos seus clientes.

Agora que você já sabe o que é o sortimento de produtos para supermercado, a diferença dessa técnica para o mix de produtos e o que fazer para tornar a experiência de compras dos seus clientes mais prática e objetiva, é o momento de colocar tudo isso em prática.

A datasales te ajuda em todas as etapas do seu negócio, e podemos te ajudar a destacar ainda mais seu sortimento. Faça cartazes para sinalizar suas categorias e seções em menos de 5 minutos! Quer saber como? Clique aqui e fale com um de nossos especialistas!

0 Shares:
Deixe um comentário