A diferença entre merchandising e trade marketing

diferença-entre-merchandising-e-trade-marketing
Saiba agora mesmo quais são as diferenças entre trade marketing e merchandising e em que consistem essas duas estratégias. Veja!

Quando se trata de estratégias para divulgar empresas, é normal se encontrar com definições como merchandising e trade marketing, porém, isso também acaba gerando confusões, sobre seu sentido e o papel de cada estratégia. Nesse contexto, podem aparecer dificuldades, para criar e colocar as práticas no varejo, afetando os resultados obtidos. Por isso, compreender qual a diferença entre merchandising e trade marketing, os significados, e suas aplicações acaba se tornando importante para o sucesso do empreendimento.

Portanto, quer saber mais sobre o assunto? Neste artigo, você vai descobrir qual a diferença entre merchandising e trade marketing, e como implementá-las juntas, e colocar os dois conceitos, na prática. 

Trade Marketing

O trade marketing é um tipo de gestão, que abrange o contato entre o fornecedor e distribuidor, usando canais de venda, e procurando vantagens para ambos. Diante disso, ele busca promover visibilidade às marcas dentro do PDV.

Na prática, ele atende as necessidades do negócio, que irá revender  produtos através de mais atratividade para os itens, e dos clientes finais, que podem comprá-los. Além disso, ele é disponibilizado por meio dos canais de distribuição.

Mas antes de ver qual a diferença entre merchandising e trade marketing, um ótimo método de trade marketing tem os seguintes objetos: 

  • Relacionamento comercial – É necessário que os fabricantes proporcionem um maior esforço nas relações com os canais de distribuição. 

Não estamos nos referindo a descontos em vendas de quantidades maiores, ou brindes, porém, é preciso realizar uma estratégia de CRM B2B para estes canais. A relação deve ser exclusiva, e não se tratar somente como uma negociação.

  • Esforço logístico do fabricante – É importante que as empresas se preocupem, e muito, com a presença do seu produto no PDV. 

Afinal, de nada vale um enorme esforço de trade de vendas de merchandising, ou qualquer outro, se a mercadoria não ficar disponível para venda. 

Muitas vezes, já fomos atraídos por publicidades, e anúncios no encarte do distribuidor, e chegando até a loja, não achamos o produto. E assim muitas pessoas acabam comprando dos concorrentes.

  • Aplicações no PDV – Sem ter a exposição correta no PDV, as ações de merchandising, o treinamento dos vendedores ou promotores, e as funções de degustação, nada valerá a boa relação com os distribuidores, e nem a presença do produto no negócio. 

Nesse sentido, o foco será no cliente final, já que ele possuirá a possibilidade de conhecer o produto, entender mais sobre seus aspectos, etc. Este grupo de aplicações, é importante para o processo decisivo dos clientes.

Merchandising

Já o Merchandising, trata-se da união de técnicas usadas para destacar algum produto, com informações visuais e outras práticas, que possam aumentar suas vendas. A proposta é deixá-los mais atrativos para os clientes, e incentivar a compra.

Ele possui mais contato com a parte criativa, podendo demonstrar inovação nas criações. Afinal, para se destacar, suas ações de promoção devem ser diferenciadas, e bastante atraente para o público-alvo.

Confira exemplos desse modelo:

  • Sinalizar promoções através de indicação visual,
  • Posição dos produtos no PDV,
  • Repor prateleiras (ruptura),
  • Organizar os produtos, segundo o seu setor.

Lembre-se que essas ações são registradas em um software de merchandising, facilitando assim a gestão nos PDVs. Agora confira qual a diferença entre merchandising e trade marketing. 

Qual a diferença entre Merchandising e Trade Marketing

Mesmo entendendo cada um, é normal que ainda possam surgir questionamentos sobre qual a diferença entre merchandising e trade marketing, e sua aplicação no varejo. 

Primeiramente, antes de ver qual a diferença entre merchandising e trade marketing, é essencial saber que eles se complementam, portanto, são usados conjuntamente, para fortalecer os resultados das estratégias. 

Resumidamente, o trade marketing, enfatiza em uma etapa de relacionamento comercial para fazer parcerias e estabelecer estratégias, que serão usadas na propagação de algum produto no PDV.

Agora o merchandising, determina como a mercadoria será disposta no local, os materiais a ser utilizado e outros pontos, que garantam essa divulgação. Por isso, ele é uma ferramenta do trade marketing.

Complementação de trade marketing e merchandising

Após saber qual a diferença entre merchandising e trade marketing, incorporado ao trade marketing, o merchandising utiliza técnicas, aplicações ou quaisquer materiais promocionais, com a proposta de incentivar as escolhas das compras dos clientes.

Os trabalhos de merchandising devem ocorrer em PDVs, ou seja, em pontos de venda e dentre os equipamentos usados, são encontradas aplicações em cadeiras, banners, mesas, freezers, cartazes, displays e gôndolas.  

Isto é, em muitos materiais que confirmam que os produtos sejam visíveis, e, possivelmente, ser vendidos, para girar o estoque.

Todo modelo promocional segue a marca do produto. Em certos casos, segundo sua infraestrutura, haverá um plano de merchandising de abrangência maior, no lugar onde é encontrado o PDV.

Como colocar em prática as estratégias desses modelos?

Após conhecer tudo isso, e ver qual a diferença entre merchandising e trade marketing, é preciso entender como colocá-los em prática. Aqui, há alguns passos que podem ser seguidos, para sua implementação:

  • Consiga bons parceiros e fornecedores, para trabalhar as estratégias;
  • Tente alinhar, as necessidades dos fabricantes aos seus propósitos;
  • Entenda o público-alvo, para gerar estratégias adaptadas;
  • Possua um plano estratégico;
  • Aposte na demonstração dos produtos;
  • Oferte uma ótima experiência no PDV;
  • Monitores das ações efetuadas.

Tudo isso deve ser realizado, e que integrem as fases relacionadas ao trade marketing e merchandising. 

Para ajudar, conte com um CRM que concentre informações sobre clientes, ajudando a escolher o perfil do público, gerar estratégias que se alinhem e acompanhem a performance de cada campanha.

Entendendo os conceitos e qual a diferença entre merchandising e trade marketing, vale a pena trabalhar as estratégias no varejo. 

Entretanto, mais complicado do que saber qual a diferença entre merchandising e trade marketing, é acompanhar os procedimentos ao ponto de entender o que precisará ser melhorado, para trazer bons resultados.

Então, caso deseje saber mais a respeito do assunto, confira também o artigo sobre a importância do trade marketing para o varejo. 

Quer saber como a Datasales pode ajudar nas estratégias de marketing do seu negócio?

Somos a plataforma nº1 em Marketing para o varejo!
Com a gente você tem:

  • CRM para varejo;
  • Automatização de propagandas e ofertas, com o DS Marketing;
  • Criação de cartazes e encartes, com o Minha Agência;
  • Central de atendimento, com o DS Omni;
  • Inteligência promocional, com o DS Loyalty, e muito mais!

Quer conhecer todas as nossas soluções para gerir seu negócio de maneira ainda mais prática e profissional? Clique aqui e fale com um de nossos especialistas!



0 Shares:
Deixe um comentário
You May Also Like